TIM tem salto de 120% na receita por PIX
7 de fevereiro de 2024
Redação

 Com quase três anos da implantação do PIX no Brasil, completados neste mês, a TIM confirma a preferência dos consumidores pela modalidade eletrônica de pagamento instantâneo do Banco Central. Mais de um terço de seus clientes já paga suas contas com PIX, tanto no pré quanto no pós-pago. Somente no segmento pré-pago, a operadora registrou um salto de 120% entre janeiro e outubro deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado. Já no pós-pago, o crescimento superou 100%.

Queremos oferecer liberdade para que o cliente adote a melhor forma de pagamento para sua realidade. A escolha pelo PIX vem se ampliando e a receita com a modalidade crescendo, principalmente em localidades onde não há agências bancárias nem postos autorizados“, explica Marcos Valério de Oliveira Cabral, Diretor de Billing Management da TIM.

A companhia foi a primeira do segmento telecomunicações a oferecer a modalidade PIX para seus clientes. A preferência vem crescendo também pela rapidez do processamento, reforçando a experiência positiva do cliente. Para aqueles que têm seus serviços bloqueados por inadimplência, por exemplo, o desbloqueio do número é garantido em até cinco minutos a partir da confirmação da quitação do débito.

Essa facilidade também justificou um dos cinco troféus concedidos à TIM no Prêmio ABT, entre eles o de inovação tecnológica, com a jornada de pagamento com PIX, que traduziu a simplicidade do sistema na satisfação do cliente nos quesitos segurança e velocidade de processamento.

Sobre a TIM
“Evoluir juntos com coragem e respeito, transformando tecnologia em liberdade” é o propósito da TIM. A operadora tem a maior cobertura móvel e presença 4G do Brasil e lidera a implementação do 5G no país, em linha com sua atitude protagonista e a sua assinatura: “Imagine as possibilidades”. Comprometida com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança, integra importantes carteiras da bolsa brasileira, como a do Novo Mercado, do S&P/B3 Brasil ESG e do Índice de Sustentabilidade Empresarial. Está listada no Sustainability Yearbook 2022, que reúne as empresas mais sustentáveis do mundo, e foi a primeira operadora a obter a certificação ISO 37001, de combate ao suborno. Faz parte ainda do Índice de Equidade de Gênero da Bloomberg e lidera, entre as empresas do Brasil e do setor de telecom mundial, o Refinitiv Diversity & Inclusion Index. Para mais informações, acesse www.tim.com.br

Compartilhe: