Lacen será pioneiro com ferramenta de acreditação
15 de setembro de 2023
Redação

O Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB), unidade pertencente à rede de saúde do Governo da Paraíba, será o primeiro do país a receber a aplicação da ferramenta Slipta como processo de implementação do Programa Nacional de Gestão da Qualidade para os Laboratórios de Saúde Pública (PNGQ-Lab) do Ministério da Saúde (MS). O intuito é fomentar ações de melhoria no serviço, visando prepará-lo para o processo de acreditação (reconhecimento oficial). 

O projeto piloto de aplicação da ferramenta Slipta será realizado a partir desta segunda-feira (11) no Lacen-PB até a próxima sexta-feira (15). Nesta segunda-feira, representantes do Ministério da Saúde, da Fiocruz, Conass, gerentes da qualidade e diretores da rede de Lacens estiveram reunidos na solenidade de abertura do programa.

De acordo com o diretor do Lacen-PB, Bergson Vasconcelos, o programa utiliza a metodologia que foi desenvolvida pelo Escritório Regional da Organização Mundial da Saúde para a África e será implantada na Paraíba como um projeto piloto. “Essa implantação da ferramenta no laboratório vai fazer com que a gente tenha um diagnóstico situacional da gestão da qualidade do LacenPB, potencializando as conformidades e visualizando oportunidades de melhorias”, explicou.

O diretor do Departamento de Articulação Estratégica de Vigilância em Saúde do MS, Thiago Guedes, frisou que o programa vai desencadear uma série de ações importantes para a modernização da vigilância. Os Centros Laboratoriais Estratégicos para Respostas às Emergências em Saúde (Céleres) vão promover uma uniformidade da rede. “Isso vai fazer com que os laboratórios cheguem aonde mais almejam que é a acreditação. A questão da qualidade vai ser implementada, vai ser fomentada, vai se tornar um dos pontos mais importantes, representando um avanço muito grande na preparação para emergências em saúde pública”, explanou.

Para implantar a ferramenta Slipta no Brasil foi necessário estabelecer as seguintes fases: Constituir um Grupo Técnico de Qualidade; Adaptação e compreensão da lista de verificação baseada em normas técnicas; Harmonização da ferramenta Slipta para os Laboratórios de Saúde Pública do Brasil; Aplicação da ferramenta Slipta harmonizada, como piloto, em um Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen); Avaliação da aplicação da ferramenta Slipta harmonizada. As três primeiras fases foram desenvolvidas entre 2022 e junho de 2023, com reuniões periódicas. Para a utilização da ferramenta foi definido que o piloto de aplicação da Slipta seria realizado no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen/PB), de 11 a 15 de setembro de 2023.

Compartilhe: