77% de acidentes vitimaram motociclistas em JP
26 de março de 2024
Redação

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP) teve acesso ao boletim informativo da Secretaria de Estado da Saúde (SES) de acidentes de trânsito em 2023. O relatório aponta que, dos 10.986 atendimentos motivados por acidente de trânsito, na capital paraibana, 8.461 foram envolvendo motos, representando 77% do total de ocorrências.

O número é expressivo e deve ser maior, já que contabiliza apenas os atendimentos recebidos pelo Hospital de Emergência e Trauma da cidade. Acidentes envolvendo motocicletas representam uma grave questão de saúde pública, com consequências muitas vezes irreparáveis para as vítimas e suas famílias.

“As três esferas de Governo deveriam investir mais no incentivo ao transporte coletivo de passageiros, uma vez que o ônibus tem se demonstrado um meio mais seguro em relação aos outros modais disponíveis aqui em João Pessoa, por exemplo, quando tivemos apenas 0,19% dos acidentes em 2023 envolvendo ônibus. Já que o acidentado é um custo para toda sociedade e cabe a nós propormos alternativas de segurança no transporte e no trânsito”, afirmou Isaac Júnior, diretor do Sintur/JP.

A Observadora Certificada do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), Abimadabe Veira, explicou que a direção em alta velocidade segue com um dos maiores agravantes na rotina do trânsito. Tudo isso somado à pilotagem sem habilitação, às ultrapassagens perigosas e também à falta de uso devido dos acessórios de segurança, que acabam justificando o alto número de acidentes na capital.

Abimadabe sugeriu que campanhas pedagógicas fossem feitas para melhor educar o uso massivo de motocicletas pelas vias da cidade.

“Se viesse uma campanha mostrando que nós temos um transporte coletivo digno, com um preço que cabe na mão, que cabe no bolso, desse jovem que está começando agora a vida, desse universitário, desse jovem que está começando a trabalhar, com certeza ele iria optar por andar no transporte coletivo em vez de estar se arriscando nas ruas”, comentou.

Na Paraíba, de acordo com o Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, os acidentes de trânsito fizeram 851 vítimas fatais no último ano.

Compartilhe: