‘Portadores da Folia’ desfila dia 6 no Busto de Tamandaré
7 de fevereiro de 2024
Redação

A Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad), instituição do Governo do Estado referência no atendimento de pessoas com deficiência na Paraíba, vai participar mais uma vez do Projeto Folia de Rua com o Bloco Portadores da Folia. O desfile acontecerá no dia 6 de fevereiro, com concentração a partir das 14h, na Avenida Almirante Tamandaré, na Praia de Tambaú, de onde sai, às 16h, até o Largo da Gameleira. O bloco será puxado pela Banda Tentáculos e Palhaço Pipi.

Criado pela Funad, o bloco tem como objetivo integrar, socializar e oportunizar à pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida, familiares e a comunidade em geral de todo o Estado participar da prévia carnavalesca de João Pessoa, com acessibilidade e inclusão social.

Com o tema “Na arte de viver sem limites”, o Bloco Portadores da Folia contará este ano com a participação especial do Bloco Xô Preconceito, da Associação Integrada de Mães de Autistas (Aima), que, acompanhado de diversas entidades de e para pessoas com deficiência de vários municípios, estará abrilhantando o Carnaval fora de época com muita inclusão, frevo e alegria.

Conforme Simone Jordão, presidente da Funad, “o Bloco Portadores da Folia reúne entidades de e para pessoas com deficiência e mobiliza toda a sociedade, ao desfilar na orla marítima, garantindo um espaço afetivo das pessoas com deficiência, no exercício da sua cidadania, além de ser um meio de solidificar a autoestima, concretizando a condição de igualdade com a sociedade, na capacidade de brincar, se integrar à festa, compartilhar emoções e vivenciar a folia com plenos direitos. E sua participação já se tornou uma tradição na folia de momo, quando PcDs, famílias, entidades e a sociedade em geral se encontram para celebrar a inclusão e acessibilidade”.

Para garantir o desfile, a Funad obedece a algumas etapas, desde o planejamento – com participação das coordenações -, programação, trabalho de divulgação com usuários, figurinos, escolha das atrações musicais e organização de todo o esquema de segurança, que conta com a participação das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Semob e Samu, de modo que os foliões tenham toda a segurança. No dia do desfile, os servidores da instituição estão envolvidos e, durante todo o percurso, conduzem o bloco e seus participantes.

O Bloco Portadores da Folia já se consolidou como um dos mais animados e organizados do Projeto e é aguardado com muita expectativa no calendário anual do Folia de Rua. Por todo o trajeto, vai arrastando não apenas pessoas com deficiência e suas famílias, mas também simpatizantes e turistas, que se encantam com a vibração positiva que emana dele.

 

Compartilhe: