1° Encontro de Inovação planeja ações em Sousa
7 de fevereiro de 2024
Redação

Identificar os desafios com foco à inovação, compartilhar experiências e definir as diretrizes de trabalho para o desenvolvimento de ações no ano de 2024 no estado. Essa foi a proposta do 1° Encontro de Ecossistemas Locais de Inovação realizado, nesta quinta-feira (30), na cidade de Sousa, na região sertão.   

O evento contou com a presença do superintendente do Sebrae/PB, Luiz Alberto Amorim, e teve a participação também dos atores dos três ecossistemas apoiados pela instituição, com atuação nas cidades de João Pessoa (Farol Digital), Campina Grande (E.Inov CG) e Sousa (Dino Valley). “O grande objetivo foi criar um espaço de discussão com a participação dos ecossistemas de inovação e planejar o futuro. Essencialmente para pensar ações de estímulo ao empreendedorismo, a inovação com sustentabilidade e promover o desenvolvimento local”, comentou Luiz Alberto Amorim.   

Ainda de acordo com Luiz Alberto Amorim, o momento é de somar forças e buscar fortalecer o ambiente voltado ao empreendedorismo. “O processo de desenvolvimento para que ele seja sustentável precisa acontecer com a participação e evolução de todos. Inovar não é só tecnologia, é promover a evolução da realidade com a tecnologia. Ou seja, as duas coisas andam juntas, buscando o maior objetivo que é criar mais negócios, gerar mais renda e consequentemente proporcionar uma economia com capacidade de investir e reinvestir para melhorar o ambiente de negócios e o bem-estar de todos”, concluiu.  

Após o momento de abertura, a programação teve sequência com a realização de pitchs sobre os Ecossistemas Locais de Inovação (ELI’s) destacando os objetivos de cada um e as experiências executadas em suas áreas de atuação, seguido da apresentação do Programa ELI e suas perspectivas para 2024.  

No painel por hélice (.gov, .edu, .com e .org), que contou com a participação de integrantes de entidades públicas e privadas, instituições educacionais e sociedade civil, o debate foi voltado à reflexão do desenvolvimento econômico e à necessidade de conexão entre os atores sociais para fortalecer o ambiente local.  

Ecossistemas conectados para transformar 

O gerente da agência regional do Sebrae/PB em Sousa, Thiago Lucena, enfatizou que o encontro fortalece a atuação da instituição e das entidades parceiras. “Tivemos uma grande celebração do empreendedorismo, da inovação, sobretudo da conexão entre os diversos parceiros que constroem o crescimento do nosso estado e buscam o desenvolvimento de forma sustentável. O encontro foi valioso e com muita interação, o que acaba motivando ainda mais a continuidade desse processo de inovação do litoral ao sertão do estado incluindo os mais diversos setores da economia”, disse. 

Por sua vez, a pesquisadora na área de gestão de projetos no Instituto Nacional do Semiárido (INSA), Jayuri Araújo, pontuou a importância da articulação entre órgãos governamentais, entidades públicas e privadas em favor de uma realidade pautada em projetos visando a criação de novas oportunidades. Ela faz parte do Hub E.Inov CG na cidade de Campina Grande.  

“A importância desse encontro se dá principalmente na atuação interiorizada, unindo ecossistemas de João Pessoa, Campina Grande e Sousa. Este evento não só ilumina caminhos locais, mas fortalece uma presença regional vibrante, impulsionando a inovação e o empreendedorismo no interior do estado. A convergência ressalta o compromisso em expandir as oportunidades para além dos centros urbanos, contribuindo para um desenvolvimento mais equitativo e sustentável”, pontuou. 

De acordo com a analista do Sebrae/PB e que também integra os gestores do projeto Hub Farol Digital em João Pessoa, Rafaella Catão, a conexão entre os atores dos três ecossistemas do estado foi um momento de aprendizagem. “Esse primeiro encontro dos ecossistemas de inovação da Paraíba marca um momento importante para o nosso estado, conseguimos reunir várias lideranças que atuam com o mesmo propósito de promover o desenvolvimento local através da inovação, conectando pessoas, promovendo a troca de experiências e boas práticas. Tudo isso é positivo para o contexto do desenvolvimento”, avaliou.  

Também estiveram presentes no evento, o gerente da Unidade de Desenvolvimento Territorial e Políticas Públicas do Sebrae/PB, Luciano Holanda, o gerente da agência regional da instituição em Campina Grande, João Alberto, o gerente da agência regional de Cajazeiras, Talles Vasconcelos, a gestora do projeto Hub Dino Valley, Juliene Fernandes, o diretor do campus do IFPB em Sousa, Francisco Nogueira, o coordenador do curso de administração do campus da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) na cidade, Alexandre Pereira, a secretária executiva de Ciência e Tecnologia, Danyele Raposo, além do vereador Thiago Lucena, ambos da cidade de João Pessoa, empresários e profissionais com atuação na área de turismo. 

Compartilhe: